tribunadanoticia.com.br

Publicidade

quinta-feira, 15 de março de 2012

RESERVA- PR:: MAIS UM HOMICÍDIO NA CIDADE DE RESERVA


Por volta das 15 h 15 min de quarta- feira, (14)  nas proximidades da Vila Saraiva na cidade de Reserva, João Daluz Souza Leal de 48 anos, conhecido por João Cemitério foi assassinado por Miguel Lisboa de 56 anos que utilizou- se de uma espingarda puxafieira para efetuar um disparo contra João Cemitério sendo este atingido na região do tórax, vindo a vítima a entrar em óbito  a caminho do PAM. Foi efetuado vistorias  na residência do autor, sendo localizados frascos contendo pólvora, chumbo e espoletas, mas o autor não foi localizado
.
Foi encontrada também uma faca na cintura da vítima, a arma do crime, uma espingarda, fora localizada e apreendida pela Polícia Civil nas proximidades do ocorrido.
Segundo informações da Polícia Civil o autor deste crime deve se apresentar nas próximas horas.
Este é o 5º homicídio que à Policia Civil registra em poucos dias. A onda de violência atinge a cidade de Reserva a Polícia Civil na cidade encontra- se sem delegado.

4 comentários:

Anônimo disse...

Enquanto várias pessoas são vitimadas covardemente na cidade, bandidos continuam soltos, ameaçando a segurança de todos. Cadê a segurança???

Anônimo disse...

Estão reclamando do quê? Não veem que a polícia está prendendo os caras? Evitar que alguém mate outro, como no caso do João da Luz e do Miguel Lisboa não tinha como ser evitado, só se alguém tivesse uma bola de cristal e evitasse a morte antes. Porquê essa é a natureza do povo de Reserva, de resolver as coisas na bala, sem se preocupar em responder posteriormente à justiça. Se quer mais segurança que já tem, só se pagar um guarda-costas.

Anônimo disse...

Quem pode pagar guardacostas nos dias de hoje sendo que quase metade do que ganhamos é debitado em impostos.
Impostos esses que deveriam ser gastos também na segurança. Agora vamos pensar um pouquinho antes de publicar comentários que podem apenas beneficiar a nata mas também aquele pobre trabalhador, honesto, que vive pra pagar seus impostos.

Anônimo disse...

UMA CIDADE TAO PEQUENA COMO A NOSSA E TAO VIOLENTA ,ME PERGUNTO ONDE ESTA O PROBLEMA SERA MESMO QUE A VIOLENCIA AUMENTO SOMENTE QUANDO CHEGARAM EM NOSSA CIDADE PESSOAS DE FORA OU PORQUE NAO TEMOS POLICIAS SUFICIENTES PARA ASSEGURAR O NOSSO IR E VIR , ESTAMOS TRANCAFIADOS DENTRO DE CASA COM MEDO DO QUE PODE ACONTECER NA RUA E A IMPUNIDADE CONTINUA ENQUANTO NAO PESSOAS DIGNAS